segunda-feira, 29 de junho de 2009

Gosto mesmo de janelas.
Chego mesmo a pensar, que não saberia viver sem elas.
Abrem-se.
Fecham-se.
Deixam-se entreabertas ou encostadas...
A opção é nossa!
Os meus ilimitados horizontes estão lá.

O ponto de partida, está dado!
É da minha Janela.

1 comentário:

Hyndra disse...

Nao sei o que gosto mais no teu blogue: se das fotos, do ambiente, ou do título. Identifiquei-me com o teu blogue! Vou passar por cá mais vezes.